sexta-feira, 2 de janeiro de 2009

Dispostos atraentes

Se as pessoas que mexem conosco são aquelas em quem vemos refletidas as nossas próprias características, ou em quem vemos coisas que achamos que não temos/somos mas gostaríamos de ter/ser, sem dúvida sou do time dos muito dispostos. As duas pessoas que me interessaram (muito) acima da média em 2008 confirmaram o lema de que os dispostos se atraem. Cada uma delas, a seu modo, me proporcionou a oportunidade de experienciar vividamente o aqui-e-agora e de me expressar com um grau de liberdade e criatividade muito maior que o habitual. Foram presenças luminosas meu amante alagoano e mi passion argentina. Coisa bem boa essas conexões de alta voltagem, que tornam a vida menos ordinária e mais eletrizante.