terça-feira, 12 de outubro de 2010

New beginning

Às vezes acho que sou muito tapada. Só pode.
Fiquei dez meses numa situação desconfortável e insatisfatória, achando que deveria ser mais compreensiva, mais compassiva. Hoje enfim resolvi me abrir com duas amigas, e as duas disseram a mesma coisa. Por mais parciais que sejam a minha visão e o meu relato, as duas viram o que eu via. E disseram o que eu dizia para mim mesma há meses: desiste.
Ouvir verdades nem sempre é agradável. Hoje não foi. Mas foi confortador. É bom se sentir validada, compreendida. Ver que os outros têm sensações semelhantes.
Hoje é daquelas noites em que vou dormir meio machucada, meio triste, meio murcha.
Mas amanhã será daqueles dias em que vou acordar cheia de energia e otimista, preparada para começar uma nova etapa. Sai o velho, abre-se espaço para a entrada do novo.
Com isso passou a vontade que eu tinha de falar sobre minhas frustrações e mágoas. It's all said and done already.