sexta-feira, 8 de abril de 2016

Tombo


Indo embora do treino na Redenção ontem à noite, me esborrachei. Como sempre, levantei e continuei correndo.
Se antes já era lenta, agora então... affff. Rita passou uma planilha hiperleve, pra voltar muito aos poucos. E mesmo assim está difícil. Mas a cada dia é um pouco menos sofrido. O importante é manter o treino, não parar. O estímulo de Rita ajuda (os xingões por eventuais "adaptações" da planilha não, hahaha, mas faz parte - ontem fui flagrada na academia e já levei a maior bronca).
O tombo é indicativo de que eu estava me arrastando literalmente. Arrastando a perna esquerda, como sempre.


Depois do tombo, banho e jantarzinho maravilhoso no Mrkt. Hambúrguer delicioso. Esse é o meu, McCartney, vegetariano supimpa.

E o joelho hoje está ok. Esfolado, inchado e avermelhado, mas doendo pouco. O tombo saiu barato.