sexta-feira, 14 de dezembro de 2012

Felicidade

 O melhor de mim.
 Com a parceria das amigas que foram assistir.












Dancei um solo essa noite pela primeira vez. E foi maravilhoso, divertido, alegre, leve, descompromissado. Solto. Feliz. Foi como eu sou. E foi a primeira vez que fui assim na dança, que é algo tão difícil pra mim. Meu corpo não foi feito para dançar. Mas isso não me importa. A ideia é curtir o babado e avançar o que for possível no tempo possível.
A noite de hoje foi mais uma das coisas maravilhosas desse final de 2012, um ano intenso.
E a música? Alf Layla Wa Layla, As Mil e Uma Noites, intensa, dramática, que eu amo, mas jamais ousaria escolher. Foi ideia da profe Grazi Shazadi. Coreografia dela. E muito ensaio.
Por que me senti tão feliz e à vontade? Porque estava cercada de amigos e simpatizantes. Gente que foi curtir um encontro festivo.