quarta-feira, 5 de abril de 2017

Gatíneos felíneos







Essa dupla... Dose maciça de fofura, de amor.
Enquanto seleciono as fotos e escrevo o texto-legenda deste post, vejo os dois já dormindo na minha cama. Acomodadíssimos. Hoje, neste momento, os dois estão deitados exatamente na parte da cama que costumo ocupar... Vou deitar noutra parte daqui a pouco. Claro.
O grande barato é que rola uma atividade noturna. Que não sei qual é porque não levanto pro conferes. Mas no meio da madrugada eles saem da cama. Às vezes vão pro telhado, especialmente Ludox, mas nem sempre. Suspeito que talvez também desçam pra comer e aí fiquem dormindo lá por baixo. Perto da hora de eu acordar, geralmente já estão de volta. Caso não, aparecem quando sentem que estou começando a me mexer pra sair da cama.