sexta-feira, 8 de setembro de 2017

Mulher-gata





Eles me amam. E são por mim muitíssimo amados.
Eu chego, e eles vêm pro conferes. Trocamos olhares, afagos, energias. E eles vão adiante. Ou se acomodam pertinho. Sem stress. Sem cobranças. Vida de gato.