terça-feira, 1 de maio de 2012

Diário pré-cirurgia - 9.1 No quarto

Tou aqui na minha cama do hospital. Começando a sentir sono. Mas terei função até a meia-noite. Ainda vou comer (o jejum inicia à meia-noite) e tomar mais tramadol endovenoso.
Já fiz todos os exames. A tarde passou depressa. Filó veio me ver. Amigos telefonaram. Vários médicos da equipe também passaram por aqui.
Fiz ressonância em campo fechado pela primeira vez. Paguei mico, entrei na máquina de olhos abertos e surtei. Apertei a campainha. As atendentes me acalmaram. Cobriram meus olhos e entrei de novo com eles fechados. Aí foi. Fiquei recitando o Mani ao som da máquina, como uma música. Hahaha. Funcionou.
No mais estou totalmente tranquila e em paz. E curiosa. :) E otimista. E feliz, apesar de minha vida ter tomado um rumo tão inesperado.