quinta-feira, 17 de maio de 2012

Médicos

Bem assessorada eu estou.
Hoje falei com os dois neurologistas que me tratam.
Ambos acharam um ótimo sinal a dor recuado com a dexametasona. Sinal de que provavelmente estou apenas com o ciático ainda inflamado. Se houvesse uma lesão neural, a dor não cederia com corticoide. E aí estaria ferrada.
Na segunda-feira que vem irei no neurologista clínico, ele quer me examinar, só me viu no dia seguinte à cirurgia, quando deu uma passada no meu quarto pra saber como eu estava. Desde então eu tenho feito consultas por telefone.
Conforme o combinado, conversei com o neurocirurgião no final do dia. Esse pediu pra que eu me mantenha sem exercícios e sem fisioterapia até segunda-feira, mas posso fazer caminhadas leves. Amanhã de manhã devo ligar pra ele, se eu não estiver bem serei encaixada na agenda. Ele observou que já me atendeu duas vezes por telefone, e que esse não é o método dele, que se eu ainda tiver qualquer coisa terei que ir lá pra novo exame. Também acho, também acho.
A dor cedeu, os médicos estão ligados, e eu me sinto de novo mais tranquila, confiante e otimista.