segunda-feira, 20 de fevereiro de 2017

Para finalizar

Ela tem mãos de CÉU*
e sorrisos que causam terremotos pelos caminhos*
Aqueles OLHOS* incandescentes*

carregam consigo o silêncio dos meus olhos*
Ela tem olhos que FALAM*
Mãos que instigam sonhos* (...)
Pele que hospeda jardins

 Aquela que escreve como SE* cantasse*


Ela sou eu. Pelos olhos poéticos de Libra.
Libra gosta de Fogo, do ardor e das labaredas que seu Ar instigam.
Libra desconhecia a força da Terra. A estabilidade, a firmeza. E o poder dos terremotos.
Libra me brisando e embrasando.