quinta-feira, 1 de dezembro de 2016

Vem, meu bem!

Venham, meus amores!
Dezembro.
Flamboyants floridos.
Meu mês favorito, minha flor favorita, da minha árvore amada.
Como budista, meu voto é atingir a iluminação debaixo de um flamboyant, em um corpo trans, pan, ultrassexual. Buda no sentido mais pleno e absoluto.
Enquanto sigo a passos ultramicroscópicos no caminho para a iluminação, observo os flamboyants nos meus trajetos pela cidade. Indo para a editora, passo por alguns flamboyants que já estão lindos. Terei que me programar pra sair cedo e fazer paradas para observá-los e fotografá-los.
Faz anos que os flamboyants de Porto Alegre não florescem a pleno. E ao que parece 2016 também não terá grandes floradas. Ciclos.
Hoje foi dia de fazer fotinhos dos flamboyants do Parcão.
Também foi dia de voltar a treinar. Apelei pro dia 1º do mês favorito. Funcionou. Agora tem que funcionar pelos próximos 30 dias.